A São Bernardo e você
São Bernardo Previdência Privada

 

| Benefícios | Aposentadoria | Resgate | Benefício Proporcional Diferido |

| Autopatrocínio | Portabilidade | Incapacidade | Desligamento | Morte |

Autopatrocínio

O benefício do Autopatrocínio cobre uma situação interessante.

Digamos que você tenha que sair da Patrocinadora onde trabalha. Você adora o que faz e adora a Patrocinadora, mas, por exemplo, pode estar tendo motivos familiares para se mudar para outra cidade. Ou pode estar tendo que aceitar um convite irrecusável de uma empresa que, apesar de todas as vantagens, não tem um plano próprio de previdência complementar. Ou pode estar iniciando um negócio próprio... Não importa o motivo, há mil diferentes.

No entanto, a última coisa que você gostaria que acontecesse seria ter que abrir mão daquela aposentadoria pela São Bernardo, que você vem planejando há tanto tempo.

É para atender a situações como essa que existe o benefício do Autopatrocínio. Ao sair da Patrocinadora em que trabalha, seja por desligamento seja por demissão espontânea, se não lhe convier usar os institutos de Benefício Proporcional Diferido (ou Vesting), de Portabilidade ou Resgate, você tem 30 dias para decidir continuar como Participante Autopatrocinado nestas condições:

1. você continuará fazendo suas contribuições de participante, conforme as regras estabelecidas pelo Conselho Deliberativo, até preencher as condições para se aposentar.

2. a sua última Patrocinadora deixa de contribuir como vinha fazendo, e você deverá contribuir também com a parte que seria a contribuição dela.

3. para que essa contribuição conserve sua vitalidade na formação do pecúlio, ela será atualizada todo mês de agosto pela variação da USB.

4. a sua contribuição será mensal e, em dezembro, deverá ser em dobro.

5. e para cobrir as despesas com a administração da sua conta, você pagará uma taxa de administração mensal que será estabelecida anualmente pelo Conselho Deliberativo e prevista no plano de custeio anual.

Se o Participante Autopatrocinado deixar de efetuar três contribuições sucessivas terá sua inscrição cancelada. Neste caso, ou no caso de desistir voluntariamente do Autopatrocínio e optando pelo Resgate ou pela Portabilidade, ele terá direito ao valor de todas as contribuições feitas mais o rendimento que elas geraram e parte do saldo da Conta  Patrocinadora, conforme Regulamento.

Dessa forma, a opção pelo Autopatrocínio não retira do Participante a possibilidade de, mais tarde, optar pelo Benefício Proporcional Diferido, pela Portabilidade ou pelo Resgate.

Nesta página você tem apenas as principais informações. Para uma informação mais completa veja no Regulamento também a seção 9.1.1.